nike shox hogan scarpe calcio Tiffany christian louboutin Scarpe Adidas superstar Scarpe Reebok Adidas Scarpe nike sb Scarpe nike air force air jordan adidas

Todos os textos, exceto quando indicados, são de autoria de Luiz Carlos "Barata" Cichetto e registrados na Fundação Biblioteca Nacional. Não é permitida a publicação em nenhum meio de comunicação sem a prévia autorização do autor. Bem como o uso das marcas "A Barata" e "Liberdade de Expressão e Expressão de Liberdade".
nike shox hogan scarpe calcio Tiffany christian louboutin Scarpe Adidas superstar Scarpe Reebok Adidas Scarpe nike sb Scarpe nike air force air jordan adidas scarpe Tacchi Scarpe da donna Scarpe Scarpe Adidas adidas Scarpe Scarpe Scarpe hogan oakley nike air presto new balance nike air max adidas Scarpe nike free

Palavras-Chave

Luís Tout-Court, Claudia Bia, Laerte Sarrumor, Luiz Antônio Domingues (Tiguês), Leila Mícolis, Henrique Novak, Semente, Cogumelo Atômico, Pipoca, A Mosca, Valdir Zwetsch, Jacques Kaleidoscópio, Nano-Gê & Yara, Walter Franco, Itamar Assumpção, Tarkus, Patrulha do Espaço, Jardim Popular, Led Slay, Fofinho 2 de Janeiro, Luís Carlos Martins de Oliveira, Angela Helena Pereira, Cynthia Bandeira, René Férri, Grilo Falante, Luli e Lucinha, Antônio Carlos Monteiro, Arquíloco, Inventário de Cicatrizes, Tibet, Juju Nogueira, Caio Flávio,  Cornélius Lúcifer, Teatro Martins Penna, Made In Brazil, Tenda do Calvário, Walter Baillot, Teatro da Praça, Jorge Mautner, Fragmentos de Sabonete, Ditadura Militar, Gonorréia, Zona do Meretrício de São Paulo, Rua dos Andradas, Barão de Limeira, Henfil, Fradim, Rolling Stone Brasileira, Luiz Carlos Maciel, Resistência, O Movimento, Opinião, O Repórter, SportStore, Rubens Bueno Assumpção, James Dionizio, Rock A História e a Glória, Ana Maria Bahiana, Ezequiel Neves, Joelho de Porco, Terreno Baldio, Língua de Trapo, Zona Leste de São Paulo, O Fabricante de Sonhos, Rolando Castello Júnior, Dudu Chermont, Sergio Santana, Percy Weiss, Manito, Paraíso dos Loucos, Rua Aurora, Teatro Paulo Eiró, Lira Paulistana, Cine Bijou, Joelho de Porco, Gigante Brasil, Sindicato, Ricardo Petraglia, Dick Petra, Próspero Albanese, Conrado Ruiz, Tico Terpins, Apocalipse, Arrigo Barnabé, Sabor de Veneno, O Terço, Mutantes, Neblina, Concerto Latino Americano de Rock,  Rango, Edgar Vasquez, Pasquim, Anos 70, LP, Vinil, Bruno Blois, Breno Rossi, Feira Hippie, Teatro Bandeirantes, Revista POP, Música do Planeta Terra, Júlio Barroso, Manito, SESC Vila Nova, Woodstock, Discos, LP, Compacto Simples, Gravador Mono Recorder, Fita TDK, Zeca Jagger, Jornal de Música, Olivetti Valentine, Máquina de Escrever, Zé Brasil, Maytrea & Silvelena


 

Dicionário da Era Pré-Internética (Parte I)
.......................................................................................................................................................................................
Luiz Carlos "Barata" Cichetto
barata.cichetto@gmail.com
Estamos começando, à pedidos, um Dicionário de Termos da Era Pré-Internética. Existe sempre, nos verbetes a comparação entre o significado dos termos naquela Era e na atual. Nesta primeira parte, A a D. Sugestões de novos termos, entrem em contato com a Arca do Barata.

A –

Amor – Objetivo de vida, não um Gif Animado em mensagens do Orkut.

Arquivo – Armário geralmente de aço onde eram guardados documentos, textos, fotos, pastas e mesmo discos. Ao contrário do “file”, que tem a mesma tradução, as informações não eram perdidas, corrompidas e “deletadas”.

Amigo – Ser humano de carne e osso que gostava de nossa companhia, e nós da dele. Amigo era “coisa pra se guardar do lado esquerdo do peito”, não apenas uma foto no canto esquerdo da tela de perfil no Orkut.

B –

Biblioteca – Local onde eram guardados objetos chamados de “livros” e para onde as pessoas se dirigiam quando queriam adquirir cultura. Estudos arqueológicos recentes descobriram ainda algumas abertas, mas com poucos, empoeirados e desinteressantes livros, guardados por poucos, mumificados, empoeirados e desinteressados funcionários públicos de gaveta, ainda chamados de bibliotecários, completamente letárgicos.

Browser – Palavra desconhecida na “Era Pré-Internética”.

Bunda – Parte da anatomia e até mesmo fruto de fetiches eróticos não o símbolo de uma nação, forma de se conseguir “status”, dinheiro e posição social.


C –

Caixa Postal – Grande armário localizados dentro de prédios de agências dos Correios, que servia como endereço para quem, por segurança não queria divulgar seu endereço. O proprietário tinha uma chave e periodicamente se dirigia a Agência e retirava sua correspondência. Muito diferente de um “banco de dados” onde são simplesmente “relacionadas” as mensagens de Correio Eletrônico recebidas.

Computador – Personagem secundário de filmes e séries de ficção científica. Atualmente personagem principal na vida das pessoas, acima de família, amigos etc. O computador passou a ser uma presença constante em qualquer hora e local.

Correio - Local onde eram despachadas correspondências (cartas, livros, revistas, jornaizinhos mimeografados). Era a única forma de poetas e escritores fazerem seus escritos chegarem aos leitores. Ainda existem, mas são usados para pagar Carnê do Baú, Telesenas, Seguros etc.


D –

Datilografia – Método pelo qual as pessoas apertavam teclas, geralmente de ferro, de equipamentos chamados de “Máquina de Escrever”. O processo consistia em que, com a pressão das teclas mais ou menos da mesma posição dos teclados de computador, os tipos de metal pressionavam uma fita de tecido, metade preta metade vermelha e as letras correspondentes eram impressas em uma folha de papel (Vide Adiante: “Folha de Papel”). O som característico do “matraquear” das teclas era tido como belo e inspirador a escritores, poetas etc. Existiam cursos de datilografia e diplomas de “datilógrafo”, que era necessário a inúmeras ocupações reconhecidas como bancário, auxiliar de escritório, funcionário de cartório etc.

Digital – Formação na pele que forma desenhos que identificam pessoas. Segundo especialistas impressão digital é única a cada ser humano. Mal traduzida do inglês e mal utilizada, foi incorporada a língua brasileira (simmmmmmmmm) com o sentido de qualquer coisa que seja inerente à Informática.

Deletar – Palavra desconhecida na “Era Pré-Internética”.

Dinossauros – Não existiam na Era Pré-Internética.

Disco – Denominação às obras de arte que continham músicas e eram adornados por uma capa de papelão impresso. Eram feitos de vinil. Conhecidos também por “LP”. Na “Era Pré-Internética” eram objetos cultuados e nunca foram chamados de “Vinil”, nome que passou a ser usado para diferenciar do CD, feito de plástico vagabundo disfarçado de tecnologia.

Drogas – Eram usadas como libertação, não como escravidão.
24/10/2008
Registro no E.D.A. da F.B.N. : 513.861 - Livro 974 - Folha 209
“Afinal, Barata, o que é a “Era Pré-Internética”?
--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Ah Que Saudades da Gonorréia!
--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Ainda Um Velho Disco de Vinil
--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Bem-vindo, abarata.com.br
--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Dicionário da Era Pré-Internética (Parte I)
--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Download e Pirataria na Era Pré-Internética
--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Era da Paz e Amor, de Sexo, Drogas & Rock'n'Roll: a Era Pré-Internética.
--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Malandros Soldados do Exército do Rock
--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Mimeógrafo a Álcool, a "Home Page" da Era Pré-Internet
--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Nossos Ídolos e Heróis Ainda São os Mesmos Mas Morreram de Overdose
--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
O Brilho do Kaleidoscópio na Era Pré-Internética
--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
O Guru da Era Pré-Internética
--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Orgia Cultural na Era Pré-Internética
--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Pornografi’A Barata na Era Pré-Internética
--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Ressucitar o Sonho
--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Rock Era Rock Mesmo... Na Era Pré-Internética
--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Rock, a História e a Glória e Revistas de Rock na Era Pré-Internética
--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Sexo, Drogas & Rock’n’Roll na Era Pré-Internética
--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Vigor Sim, Violência Não - O Som Pesado da Era Pré-Internética
--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Arca do Barata
Contos d'A Barata
Crônic'As Baratas
Entrevist'As Baratas
Fal'A Barata!
Resenhas de Filmes
Resenhas de Livros
Micrônic'As Baratas
Camisetas
Livros
Revist'A Barata
Revistas Impressas
Artesanato
O Anjo Venusanal
Ponto de Fuga
Convergências
?/span>pera Rock Vitória
PQP - Puta Que Pariu
Webradio
Sub-Versões
Videos
A Barata Ao Vivo
Biografi'As Baratas
Discoteca d'A Barata
Ensaios Musicais
1a. Coletâne'A Barata
2a. Coletâne'A Barata
Festival Música Independente
A Barata - O Site
Fest'As Baratas
A Barata na Midia
Barata Cichetto, Quem ?
Depoimentos
Amigos & Parceiros
Fotos
Arquíloco (1981)
Sangue de Barata
Impessoal e Transferível
1958
A Verdadeira História da Betty Boop
Emoções Baratas
O Olhar Gótico da Morte Dentro da Cibernética Taverna
O Câncer, O Leão e O Escorpião
O Cu de Vênus
O Êxtase
Poemas Perdidos

---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

 

 On Line:  126