Barata no Radar Cultura, com a Banda Pedra
O Homem, o Poeta e o Giraçol
Morphine, ou Percepção Emocionada
Woodstarkus - Uma Celebração á Paz
Esperando Papai Noel
Manifesto Singular
Em Busca da Mulher-Barata
Censura? Sempre e Mais...
"O Amor é a Compensação da Morte"
Inserir >/ Quebra... > / Quebra de Página
A Superioridade dos Artistas
Coçar a Cicatriz, Xingar a Meretriz e Sonhar Com a Imperatriz
Viver é Fatal! Quem Viver... Vi...Verá!
Resquícios Críticos Indecentes (Ou Ctrl C/Ctrl V)
Fui!!!
O Rei Está Morto, Então Viva o Rei!
Cabeça de Barata
Acabou a Festa do Latino
Rádio Barata
O Jagunço
Foda-se!!!!
Sonha Comigo!
Que Venham as Putas!
Foda-se e Feliz Aniversário, Betty Boop!
Dias Em Que A Gente Nem Consegue Escrever...
Denny Dent, Diogo Oliveira e os Gênios da Cultura Rock'n'Roll
Sebos & Puteiros
Amor? Nem de Mãe!
Viva Sua Vida ou Vá Se Foder!
O Conto da Barata
A Síndrome da Assepsia
Sangue de Barata - Ou A Grande Família Chamada Rock'n'Roll!
Emoções Baratas
Manifesto dos Desbaratados
Livre Por Natureza
Enquanto Os Cães Passam as Caravanas Ladram!
Abortando a Folha de São Paulo
A Droga do Amor
Ladrão de Bife Não é Herói
Papai Noel é Um Cara Legal...
Que Me Perdoem os Eunucos
Tudo em Nome do Rock And Roll
Dogville , de Lars Von Trier
Estranhas Mutações
Tumantes e Seus Cometas no País dos Boasmerdz
Já Que é Para Esculhambar...
Dia da Consciência...
Iggy Pop
Serguei Iessiênin
Vai Se Foder!

Arca do Barata Contos d'A Barata Crônic'As Baratas Entrevist'As Baratas Fal'A Barata!Micrônic'As Baratas + Resenhas de Filmes + Resenhas de Livros +

BRASILEIRINHO
Luiz Carlos "Barata" Cichetto
barata.cichetto@gmail.com
Um senhor de seus 70 e tantos anos tocando "Brasileirinho" de Waldir Azevedo em um ponto de ônibus trouxe á memória uma banda fantástica que singrou pelos mares do Rock Brasil nos anos 70: Novos Baianos. Formada por pessoas que além de excelentes músicos, formavam uma trupe de "hippies" loucos que moravam em comunidade e acreditavam no sonho de "Paz e Amor". A interpretação deles para "Brasileirinho" além de chocar os puristas da "autêntica música brasileira" da época, mostrou onde o Rock Brasileiro poderia chegar. Sem maltratar a essência da obra original, a versão Nova Baiana dava uma amostra do que eles pretendiam: “... ainda mais com um cavaquinho e um pandeiro, e um violão na marcação” teve os instrumentos, típicos do "Choro" substituídos para "guitarra", "bateria" e "baixão" substituídos tanto na letra quanto no instrumental. E daí dá-lhe "pauleira". É, "pauleira" termo usado na época para definir um som muito pesado. Aliás, por falar em "pauleira", "Barra Lúcifer" é outro autêntico exemplar do gênero. (“Quem nasceu pra Barra Lúcifer, não foge nunca some, sai que a dividia é minha, não dá outra malando...”. A letra é puro “non-sense”, idiota mesmo, mas a música é “pau-puro”! Pena que alguns de seus componentes ficaram conhecidos apenas por darem nomes esquisitos aos filhos. Pepeu, antes sem sobrenome, depois “Gomes”, era um fantástico guitarrista que gravou um disco instrumental ótimo, “Geração de Som”, mas resolveu que queria ser bonito e cantor. Não conseguiu nem uma coisa nem outra. O mesmo com a Baby, ex “Consuelo” e atual “do Brasil”. Mas isso pouco importa, o que imputa é que eles e a trupe toda, Paulinho Boca de Cantor, Charles e demais, abriram uma porta, mostraram um caminho... Quem passou, passou! Quem não passou, passou)!
25/8/2006
Registro no E.D.A. da F.B.N. : 513.628 - Livro 973 - Livro 474

(11) 96358-9727

 


Camisetas
Livros
Pinturas


A Barata - O Site
A Barata na Mídia
Barata Cichetto, Quem É?
Depoimentos
Fest'As Baratas
Fotos

Poemas Por Título
Por Livro
Por Data
Com Áudio
Musicados
Com Vídeo
Livros Impressos

A Barata Ao Vivo
Biografi'As Baratas
Discoteca d'A Barata
Ensaios Musicais
Coletâneas de Rock


Artesanato
Camisetas
Convergências
PQP - Puta Que Pariu
Pinturas
Sub-Versões
Videos
Webradio

Gatos & Alfaces
Pi Ao Quadrado
Revist'A Barata
Revist'A Barata Digital
Versus


Arca do Barata
Contos d'A Barata
Crônic'As Baratas
Entrevist'As Baratas
Fal'A Barata!
Micrônic'As Baratas
Resenhas de Filmes
Resenhas de Livros

Ataraxia
Crom
Kakerlak Doppelgänger
Madame X
O Anjo Venusanal
Ponto de Fuga
Pornomatopéias
Projeto Sangue de Barata
Psychotic Eyes
Renato Pop
Seren Goch: 2332
Tublues
Vitória

Todos os textos, exceto quando indicados, são de autoria de Luiz Carlos "Barata" Cichetto e registrados na Fundação Biblioteca Nacional. Não é permitida a publicação em nenhum meio de comunicação sem a prévia autorização do autor. Bem como o uso das marcas "A Barata" e "Liberdade de Expressão e Expressão de Liberdade".

 On Line:  64