(16) 99248-0091

Apóie a continuidade deste trabalho, totalmente independente desde 1997. Saiba como participar clicando na imagem ao lado.

1958 1990 1997 1998 1999 2000 2001 2002 2003 2004 2005 2006 2007 2008 2009 2010 2011 2012 2013 2014 2015 2016 2017 2018

A Barata Ao Vivo Biografi'As Baratas Discoteca d'A Barata Ensaios Musicais Coletâneas de Rock


NAS RUAS DO HOMEM ENTRE GUIAS DE SPLEEN
Barata Cichetto
UIVO BEAT

Nas Ruas do Homem Entre Guias de Spleen

Ano: 2010
Gravadora: Independente
Músicos:
Lucrecio Hatt
Bateria, Sintetizadores (Instrumentos Adicionais: Guitarra, Violino, Violão e Gaita)

Todas As Letras Escritas por Lucrecio Hatt
Faixas:
1 - Intro (De Profundis ou o Barco Embriagado) (Instrumental)
2 - Jardim de Inverno
3 - Complexo de Osíris
4 - Leminskiana
5 – Spleen (Instrumental)
6 - Fuga
7 - O Inferno São os Outros
8 - Like the Beat of a Beat Heart (Instrumental)
9 - Blues Desbotado
10 - A Fala da Morte
11 – Outro (Que Não Sou Eu) (Instrumental)
Síte: http://www.myspace.com/uivobeat
Contato/Pedidos: -
Uivo Beat.... O nome da banda imediatamente remete diretamente à Geração Beat, com Ferlinghetti, Kerouac, e claro Grinsberg. Uma geração de artistas marcada pela criatividade poética e musical. Formas e métodos diferentes de compor que influenciou inúmeras gerações.

Inclusive a de Lucrécio Hatt. E Lucrécio deve ter bebido nas fontes nada cristalinas desses "malditos", bêbados e drogados. A fonte é inesgotável e ele sabe disso. Portanto, pouco importa se escreve-se poesias em rolos de telex ou se compõe usando sintetizadores ou atabaques. O que importa na arte é o sentimento e a criatividade.

E isso não falta á "one man band" Uivo Beat. Letras muito bem construídas, com aquele espírito do "Uivo", influenciado também por Bukowski e outros, com um toque musical que beira á loucura jazzistica de Miles Davis. Totalmente elétrico, com exceção da bateria, marcada e sincopada do Jazz na maioria das vezes. Um pé no Rock e outro em qualquer lugar... O ponto alto do CD, claramente gravado em algum porão escuro... (ou não) é "Leminskiana", inclusive com a "participação" do próprio Leminski, o mais Beat dos poetas brasileiros.

Embora existam algumas falhas "técnicas", como o volume desuniforme nas várias faixas - que faz com que muitas vezes a voz fique inaudível - e a capa, que não condiz com o restante da pegada criativa, Uivo Beat merece uma produção profissional e uma edição mais caprichada. No final, pela qualidade e pela criatividade, a nota é 8,88.
Nota: 8,5
Cotação:
Registro no E.D.A. da F.B.N. :513.861 - Livro 974 - Folha 209

(16) 99248-0091

A Barata - O Site

A Barata Ao Vivo

Amigos & Livros

A Arca do Barata

Arquivos Abertos

Artesanato

As Faces d'O Corvo
Augusto dos Anjos

Ataraxia

Barata Cichetto, Quem É?

Barata Rocker

Biografi'As Baratas

Camisetas

Cinematec'A Barata

Coletâneas de Rock

Colunas Antigas
Conte Comigo, Conte Pra Mim
Contos d'A Barata
Convergências
Crom

Crônic'As Baratas

De Poeta a Poeta

Depoimentos

Des-Aforismos Poéticos Baratianos

Discoteca d'A Barata

Download Free

Ensaios Musicais

Entrevist'As Baratas

Eventos

Facebookianas
Fal'A Barata!
Fotos
Gatos & Alfaces
Kakerlak Doppelgänger
Livrari'A Barata
Livros
Madame X
Memória A Barata
Micrônic'As Baratas

Na Mídia

O Anjo Venusanal
Pinturas
Pi Ao Quadrado

Poesi'a Barata

Ponto de Fuga
Pornomatopéias
PQP - Puta Que Pariu
Prefácios & Editoriais
Projeto Sangue de Barata
Psychotic Eyes
Renato Pop
Resenhas

Retratos e Caricaturas

Revist'A Barata Digital

Revist'A Barata

Seren Goch: 2332

Sub-Versões

Tublues

Versus

Videos

Vitória

Webradio

Todos os textos, exceto quando indicados, são de autoria de Luiz Carlos Giraçol Cichetto, nome literário Barata Cichetto, e foram registrados na Fundação Biblioteca Nacional. Não é permitida a publicação em nenhum meio de comunicação sem a prévia autorização do autor, bem como o uso das marcas "A Barata" e "Liberdade de Expressão e Expressão de Liberdade". Lei de Direitos Autorais: 9610/98.
 On Line

Política de PrivacidadeFree counter users online